Usando design, luz e arte para criar a experiência WeWork

Estratégia e criatividade sustentam as características distintas que tornam um espaço da WeWork tão convidativo

Design criativo e estimulante não acontece facilmente. Desde o início, a WeWork sempre teve uma equipe interna global de artistas, arquitetos e designers de interiores que projetam espaços de forma estratégica. Projetos que incentivaram envolvimento, estímulo e inspiração para os membros e convidados da WeWork foram criados em mais de 700 locais da WeWork em todo o mundo. 

A criação desses espaços exige reflexão e colaboração de muitas pessoas, incluindo as equipes globais de estúdio, iluminação e arte e imagens gráficas. Tudo começa com o planejamento de um espaço visando complementar a arquitetura existente do edifício, sobrepondo o ambiente com acabamentos, iluminação e curadoria detalhada de mobiliário e arte.  

A fórmula de design da WeWork

A WeWork emprega elementos de design distintos e reconhecíveis em todos os nossos locais. Isso inclui o uso de estilos semelhantes de marcenaria fixa, móveis, obras de arte emolduradas, neons e iluminação. Uma estética consistente reforça a identidade global da marca. A equipe de design também detecta pontos estratégicos para incluir experiências imersivas personalizadas e momentos surpreendentes, criando uma sensação de identidade própria para cada espaço.

A história de um local desempenha um papel importante no processo de design. Nossa equipe pesquisa a história do edifício, do bairro e da cidade que abriga uma WeWork, em busca de imagens de referência para o design — desde acabamentos das paredes até a escolha de tecidos. Em um projeto em desenvolvimento na Wardour Street, em Londres, por exemplo, a equipe tomou por base a história do edifício e a conexão com a indústria cinematográfica, bem como a arquitetura art déco.

A equipe de design da WeWork reforça a estratégia coletando feedback dos membros, avaliando as opções da concorrência e mantendo-se atualizada sobre as tendências do mercado. Sintetizamos essas informações para, em seguida, criar ideias inovadoras seguindo a visão e os valores da WeWork.

Toda decisão é ponderada, incluindo a materialidade ou os materiais físicos usados em um edifício. A maioria dos espaços de saguões e de escritórios são finalizados com piso de madeira clara para criar uma sensação residencial, em vez de um clima estéril de escritório. As paredes geralmente são pintadas de branco para refletir mais luz, proporcionando uma sensação arejada. Acabamentos de parede mais escuros e texturizados são empregados em banheiros, supernichos e ambientes de eventos para ajudar a distinguir o clima de mudança entre o espaço de trabalho e as áreas usadas para fins alternativos.

Desenvolvendo a comunidade por meio da arte

Obras de arte podem ser usadas para ajudar a dar identidade a um espaço de trabalho, especialmente quando encomendamos e projetamos peças personalizadas.

Todas as peças de arte personalizada na WeWork, desde murais de parede até grandes esculturas, são selecionadas levando em consideração o contexto visual e a localização. Membros e visitantes trazem suas próprias perspectivas e experiências quando interagem com as obras de arte, que, por sua vez, geram emoções diferentes e únicas em cada observador. É essa conexão emocional que nos motiva como designers. Queremos que nossos membros se sintam transportados de sua vida diária e sejam inspirados pela arte atraente ao seu redor. 

Para criar a arte que adorna os espaços da WeWork, começamos analisando três temas fundamentais da região de um projeto: cultura, elementos históricos e arquitetura. Dessa forma, podemos homenagear as culturas históricas e locais. Além disso, a equipe trabalha exclusivamente com artistas locais para a fomentar a criação de obras de arte singulares. 

Para manter a essência da localidade, trabalhamos exclusivamente com artistas nativos da área do projeto. Assim que nossas equipes de arte, gráficos e estúdios criativos tiverem delineado um briefing detalhado e o escopo do trabalho no próprio local, trabalhamos diretamente com um artista local, para que as peças se concretizem com estilo criativo, técnica e talento.

A criação de um trabalho que tenha autenticidade e relevância para a área em que ele está sendo projetado é extremamente importante. Exemplos disso podem ser vistos em todos os nossos projetos. Um mural pintado no Belmont Court em Bruxelas é um bom exemplo de design inspirado na arquitetura local e no Triumphal Arch. Uma mesa da comunidade também pode ser usada para destacar temas locais e expor uma verdadeira coleção de peças exclusivas.

A arte também pode ajudar a facilitar a construção da comunidade, um dos principais focos da WeWork. Ao destacar temas que mobilizam todas as pessoas, como bem-estar, natureza, diversão e encanto, a arte procura criar um senso de unidade e consciência coletiva.   

Nossa equipe de design desenvolve experiências que visam despertar a união dos nossos membros e comunidades. Durante uma pandemia, criar conexões com outras pessoas é muito importante, e a arte no local de trabalho pode ajudar. Ela proporciona sensações de união e de pertencimento. Se mesmo um pequeno grupo de pessoas for tocado pela mensagem, teremos alcançado nosso objetivo.

Ideias que iluminam

Na WeWork, decisões sobre a iluminação nunca ficam para o final nem são colocadas em segundo plano. Afinal, é uma das variáveis mais importantes, influenciando a forma como as pessoas percebem e se conectam com o ambiente. A iluminação exerce um impacto significativo sobre o desempenho, a saúde e o bem-estar de um indivíduo e possui um papel importante na criação de conexões emocionais com uma marca. Seja aproveitando a luz natural, seja aplicando luz artificial, o foco da nossa equipe é criar design de iluminação considerando produtividade, concentração e satisfação. 

Ao destacar pontos de interesse em um grande espaço aberto, por exemplo, simetrias (muitas vezes obtidas por meio da iluminação) ajudam a conectar vários elementos em um design formal unificado. Veja como isso acontece na WeWork Aviation House em Londres. Luminárias de parede de formato linear são posicionadas verticalmente nas colunas, para transmitir uma sensação de ordem. Traves na cor verde menta servem como molduras para nichos fixos com luminárias em estilo globo suspensas que pontuam o visual acima das mesas. A arte em luz neon na parede cria um ponto focal centralizado na linha do eixo que separa a iluminação espelhada, as formas arquitetônicas e os móveis dentro do espaço. Esse uso de espelhos cria uma sensação de lógica calma e ordem visual.

A iluminação também ajuda na locomoção. Nas mesas de boas-vindas da WeWork, o design de iluminação integrado ajuda a direcionar os visitantes para esses pontos de entrada de comunicação. Por exemplo, na mesa de boas-vindas da WeWork Via Vittor Pisani, 15 em Milão, faixas de luz iluminadas verticais em camadas contrastam com o mármore italiano escuro. A mesa é realçada ainda mais com a iluminação na parede ao fundo, posicionada simetricamente para emoldurar a vista até as áreas interligadas de copa e saguão.

Nossas equipes de design também criam camadas de fontes de luz para criar espaços interessantes e atraentes. Eles combinam diferentes estéticas de decoração, qualidades de fontes, distribuições e intensidades luminosas para criar um clima inspirador. A luz em camadas ajuda a dar vida ao espaço, incorporando versatilidade e flexibilidade. Misturando e combinando várias fontes de luz, espaços podem ser usados no trabalho durante o dia e, à noite, transformados para fins sociais, ou em um nicho aconchegante para leitura ou para conversas tranquilas. 

WeWork Gotham Center em Long Island City, NY.

Em cada local e projeto, as equipes de design da WeWork oferecem aos membros uma experiência única de contar histórias visuais usando design, arte e iluminação. É uma parte fundamental do diferencial dos espaços da WeWork em relação a outros locais de trabalho. 

Para os artistas e designers que criam esses visuais inspiradores, é muito significativo ver as obras gerando impacto nos membros. Para nós, como empresa, é uma forma importante de superar limites e criar trabalhos para tornar um espaço relevante, inclusivo e em evolução constante.  

Claire Hamill é gerente sênior de Iluminação da WeWork. Com foco em inovação, design e padronização, ela cria uma experiência sofisticada para os membros por meio da iluminação e espaços realmente incríveis. Ela tem formação em arquitetura de interiores, arte e design de iluminação. 

Loren Stuart é gerente de Arte e Imagens Gráficas na WeWork. Ela é curadora de obras de arte especializadas, colabora com artistas locais e supervisiona a direção de arte para edifícios individuais. Sua formação é no setor de Artes, de galerias a feiras de Arte, e ela é especializada em fotografia.  

Scott Rominger é diretor criativo da International Studio, no qual supervisiona a direção de design de interiores. Sua formação é em design residencial e varejo de alto padrão.

Repensando seu espaço de trabalho?

Este artigo foi útil?
Categoria
Informações de especialistas
Etiquetas
COMUNIDADE
DESIGN
ESPAçO FLEXíVEL