Recompensando startups por iniciativas de sustentabilidade

Essas startups premiadas tornaram a proteção do meio ambiente central para sua missão comercial

Da esquerda para a direita: Mike Messersmith, presidente da Oatly North America; Ryan Li, fundador da ReVert Technologies; Samuel Man, assessor sênior de Políticas do Escritório de Justiça Climática e Ambiental do Prefeito de Nova York; e Chris Ferzli, VP, chefe global de Assuntos Públicos da WeWork. Fotografias de Stefanie Delgado/WeWork.

Os vencedores do WeWork Changemakers: Sustainability Series têm tanta paixão pela proteção de nosso planeta que lançaram negócios exclusivos à causa. Eles criaram queijos à base de plantas com maior durabilidade (The Farmer Foodie), uma bateria doméstica inteligente (blip energy) e um extensor de energia que economiza eletricidade (ReVert Technologies, Inc). Eles estão usando postes de luz para carregar veículos elétricos (​​Voltpost), algas para reduzir as emissões agrícolas de metano (Alga Biosciences) e estão facilitando a procura de artigos do vestuário ecologicamente corretos (United By Zero). 

Para ajudar essas empresas e o vice-campeão em cada um dos concursos da iniciativa do Mês da Terra em Nova York, São Francisco, Chicago, Boston e Washington, D.C., a WeWork dedicou mais de US$ 1 milhão em suas ofertas de espaços flexíveis. São associações de espaço de escritório privativo e WeWork All Access para os vencedores dos grandes prêmios, que também entrarão no programa de mentoria empresarial e receberão uma série de sessões de trabalho colaborativo da empresa Oatly, que é membro da WeWork.

Falamos com alguns dos vencedores, que compartilharam a importância da sustentabilidade, como seus negócios impactarão positivamente suas comunidades e como cada um de nós pode desenvolver um pequeno hábito diário para ajudar a cuidar do nosso meio ambiente. 

Por que a sustentabilidade é importante para todos

Embora os fundadores destas startups com consciência ecológica estejam pessoal e profissionalmente comprometidos com a preservação dos recursos e do clima da Terra, eles enfatizam que, para que ela funcione, nós todos precisamos nos envolver. E eles querem facilitar esse envolvimento. 

"A administração sustentável dos recursos não é um favor que estamos fazendo para alguma geração distante e futura. As fumaças, incêndios e enchentes já estão impactando nossa vida, aqui e agora", diz Ryan Li, cofundador e CEO da ReVert Technologies, Inc., com sede em Nova York . "Nosso trabalho é aplicar as tecnologias mais avançadas de hoje para que seja fácil e divertido para que todos escolham a opção ecológica com impacto mensurável".

Alison Elliott, fundadora e CEO da The Farmer Foodie. Fotografia de Marvin Germain.

Alison Elliott, fundadora e CEO da The Farmer Foodie, tem graduação e pós-graduação em Sustentabilidade e Impacto Social. Durante anos, seu estilo de vida refletiu seu compromisso com essas práticas, como usar guardanapos e toalhas de prato reutilizáveis, dirigir um carro híbrido e realizar compostagem. Mas agora, com o primeiro produto da Farmer Foodie, o Everything Cheeze, ela espera inspirar outros a fazerem mudanças. A Everything Cheeze é uma alternativa ao queijo parmesão, feita de castanha-de-caju crua, vegana, sem glúten e sem soja. 

Não há nada melhor do que um espaço de trabalho da WeWork para reunir as pessoas.

Ryan Li, cofundador e CEO da ReVert Technologies, Inc.

"Ele é inerentemente sustentável graças aos seus ingredientes orgânicos à base de plantas e sua longa vida útil", explica Alison Elliott. "Meu objetivo é ser líder do setor, estabelecendo padrão para produtos alimentares transparentes, sustentáveis e saudáveis que beneficiem todos, inclusive nosso planeta".

A equipe composta por 10 funcionários da Voltpost, baseada em Nova York, sabe que, para cumprir sua missão de descarbonizar a mobilidade, também é necessário democratizar o acesso à recarga em todas as comunidades. Para esse fim, a Voltpost tem como alvo os postes de luz, um item básico em diferentes comunidades em todo o país, para levar a recarga de veículos elétricos a todos. 

"A maior barreira para a adoção de veículos elétricos é a falta de recarga prática em escala. Ao promover acesso a recarga em todas as comunidades, a Voltpost pode mitigar as emissões e a poluição que estão prejudicando nosso planeta", diz Jeff Prosserman, fundador e CEO da Voltpost.

Os vencedores compartilharam alguns conselhos para qualquer pessoa que busque melhorar a saúde do planeta, preservando o meio ambiente para nós e para as gerações futuras. 

  • Traga um almoço caseiro ao escritório em um recipiente reutilizável com talheres e guardanapos reutilizáveis. "Um almoço caseiro é mais sustentável do que um almoço de entrega porque 1) reduz os resíduos associados a recipientes descartáveis, 2) reduz as emissões do transporte da entrega e 3) dá a você mais controle sobre a origem de ingredientes sustentáveis", diz Alison Elliott. "A escolha de ingredientes cultivados localmente, sazonalmente, organicamente ou regenerativamente resulta em uma pegada mais baixa que também beneficia sua saúde". 
  • Desligue-se de vez em quando. "Tanto fisicamente, para evitar que os dispositivos suguem eletricidade quando não estão em uso, mas também mentalmente, para que você possa fazer uma pausa no trabalho e não se sobrecarregar", explica Li.
  • Recarregue seu carro. Fazer a troca para um veículo elétrico, ou mesmo um híbrido, pode reduzir a pressão sobre o meio ambiente, diz Jeff Prosserman. 

Fazendo a diferença como um negócio

Essas empresas vão além do resultado financeiro, elas estão trabalhando para garantir que seus produtos e serviços realmente melhorem o meio ambiente. 

"Embora o objetivo da Voltpost seja abastecer o transporte de emissões zero em Nova York e outros lugares, nós nos consideramos mais do que uma empresa de recarga", diz Jeff Prosserman. "Nosso produto é o resultado do nosso propósito de promover ações em prol do clima de forma justa e transformadora".

Da esquerda para a direita: Mike Messersmith, presidente da Oatly North America; funcionários da Voltpost; Jeff Prosserman (segurando o prêmio), fundador e CEO da Voltpost; Samuel Man, assessor sênior de Políticas do Escritório de Justiça Climática e Ambiental do Prefeito de NYC; e Chris Ferzli, VP, chefe global de Assuntos Públicos da WeWork. Fotografias de Stefanie Delgado/WeWork.

Elliott está apostando no sucesso da Everything Cheeze, levando a uma mudança mais ampla. "A pecuária tem uma enorme pegada ambiental. A refrigeração durante todo o ciclo de vida dos produtos lácteos tradicionais e vegetais libera imensas quantidades de emissões de efeito estufa, que perpetuam a crise climática", explica ela. "Muitos consumidores estão se afastando desses produtos alimentícios devido a preocupações éticas, nutricionais e ambientais. Eles estão à procura de alternativas".

A ReVert Technologies mede o impacto por uma métrica, diz Ryan Li: "A quantidade total de emissões de CO₂ que ajudamos os usuários a reduzir durante o percurso conosco". A empresa almeja remover um milhão de toneladas de CO₂ em três anos, fazendo aparelhos que importam, conservando energia com IA, reciclando o lixo eletrônico e facilitando as compensações de carbono, diz ele.

Usando o reconhecimento para impulsionar a mudança

Cada um dos seis vencedores do prêmio WeWork está ansioso para usar sua associação da WeWork para evoluir ainda mais seus negócios. 

"Ter um espaço de trabalho exclusivo da WeWork permitirá que nossa equipe, que está crescendo, trabalhe pessoalmente", diz Jeff Prosserman. "Estamos entusiasmados em usar o espaço para reuniões de equipe e reuniões com possíveis clientes".

Alison Elliott concorda: "Esta é uma startup em fase inicial, e este espaço de escritório realmente conduzirá a implementação e o crescimento do meu negócio", diz ela. "Meu plano é demonstrar meu produto em todos os locais da WeWork em Boston". 

A equipe da ReVert Technologies está ansiosa para poder trabalhar no mesmo lugar. "Meu cofundador e eu estamos super animados para trabalharmos juntos após dois anos de distanciamento social", diz Ryan Li. Não há nada melhor do que um espaço de trabalho da WeWork para reunir as pessoas.

Melanie Mannarino é escritora, editora, estrategista digital e autora de vários livros, incluindo The (Almost) Zero Waste Guide.

Repensando seu espaço de trabalho?

Este artigo foi útil?
Categoria
Membro em destaque
Etiquetas
INOVAçãO
SMALL BUSINESSES
EMPREENDEDORES