Como quatro empresas do setor financeiro usam a WeWork

Empresas do setor financeiro estão reestruturando seus espaços de escritório de acordo com as necessidades atuais


Clique aqui para experimentar um escritório privativo da WeWork por um mês grátis. Aplicam-se os termos.

Há um ano, quando a COVID-19 forçou a implementação de confinamentos, empresas de serviços financeiros de todo o mundo fecharam seus escritórios e enviaram funcionários para trabalhar em casa. 

Desde então, a volta ao escritório tem sido randômica. Em setembro de 2020, muitos grandes bancos solicitaram que os trabalhadores voltassem para o escritório, mas outras instituições — como fundos de investimentos, cujos funcionários já detinham as ferramentas necessárias para trabalhar em casa — não voltaram. Gestores e empresas de investimentos de capital buscaram outras alternativas. 

Em novembro, quando os casos de COVID-19 voltaram a aumentar nos EUA e em todo o mundo, várias empresas que mandaram os trabalhadores de volta ao escritório tiveram que enviar muitos deles para casa novamente devido ao aumento de novos casos do vírus. Ao mesmo tempo, vários grandes bancos atrasaram o cronograma de retorno previso no quarto trimestre de 2020 para um retorno de todos os funcionários ao local de trabalho. 

Enquanto alguns funcionários afirmam que conseguem manter a produtividade trabalhando em casa, a PricewaterhouseCoopers (PwC) descobriu que a produtividade dos funcionários depende em grande parte da função exercida . Por exemplo, como o trabalho de consultores financeiros tornou-se móvel há muito tempo, sua produtividade não sofreu um impacto tão grande quanto a dos traders, que precisam de acesso a mais ferramentas, como terminais de trade, que estão disponíveis apenas no escritório.

Além da produtividade, trabalhadores de empresas de serviços financeiros, especialmente os mais novos, descobriram que, devido à falta de visibilidade por trabalharem em casa, não estão recebendo as orientações e o treinamento de que precisam. Dizem também que o trabalho extra não é valorizado, e que é mais difícil avaliar o desempenho individual. A colaboração ficou mais difícil e a inovação sofreu perdas na ausência de encontros presenciais ao lado do bebedouro.

Em geral, o setor de serviços financeiros está pronto para voltar ao escritório. Consultores financeiros esperam um retorno completo às práticas comerciais anteriores à pandemia nos próximos seis a doze meses. Veja como quatro grandes empresas financeiras usaram os produtos e estratégias da WeWork e aproveitaram nossa flexibilidade e escala para personalizar seus escritórios de acordo com suas necessidades.

Uma empresa de seguros encontra uma nova sede em um período de incertezas

O problema: Uma corretora de seguros multinacional estava no meio de um processo de fusão incerto e, ao mesmo tempo, enfrentava o vencimento do contrato da locação atual. Ela procurava reduzir os gastos de capital em espaços de curto prazo e manter seus trabalhadores seguros durante a pandemia. Para isso, a empresa queria reduzir a densidade do escritório e o número de pessoas no espaço ao mesmo tempo.

A solução: A WeWork forneceu à empresa um andar exclusivo no segundo andar de um edifício que, como todos os espaços da WeWork, promove o distanciamento social e foi projetado para promover produtividade. Em meio às incertezas, a empresa tem agora um grande espaço onde suas equipes podem trabalhar e colaborar. 

WeWork 1460 Mission St em São Francisco.

O design limpo e prático do espaço cria um clima simpático e profissional, e a localização no segundo andar permite que os funcionários troquem o elevador pela escada, uma preocupação que a empresa levou em consideração durante a COVID-19. 

A empresa também optou por fornecer aos seus funcionários passes WeWork All Access, que concedem aos trabalhadores a liberdade de trabalhar em qualquer um entre os centenas de escritórios da WeWork localizados em 150 cidades e mais de 30 países em todo o mundo. Assim, os funcionários têm a flexibilidade de trabalhar mais perto de casa, reduzindo o número de pessoas na sede. 

O resultado: Com termos flexíveis , embora a empresa possa adotar uma abordagem de longo prazo para os negócios em seu novo escritório, não está presa em um contrato de locação de longo prazo. Os termos flexíveis, produtos configuráveis e espaços personalizáveis da WeWork ajudaram a empresa a reduzir seus custos, minimizar seu compromisso com prazos e maximizar a flexibilidade e a produtividade dos funcionários.

O espaço de trabalho temporário está ajudando esta empresa a descentralizar

O problema: Uma empresa de serviços financeiros listada na Fortune 500 precisava de espaço de trabalho temporário para que suas equipes de tecnologia e suporte pudessem estar próximas aos traders e banqueiros da sede da empresa em Nova York. Manter as equipes juntas era importante para assegurar a continuidade dos negócios em um setor onde a velocidade de processamento de dados e entrega de informações é crucial. Mesmo que a empresa quisesse que as equipes se sentassem juntas, também precisava reduzir o número total de pessoas que trabalham naquele local.

A solução: A WeWork forneceu à empresa financeira um contrato de associação flexível de dois anos em um espaço de escritório em um andar inteiro localizado perto da sede da empresa. Com a descentralização, a empresa conseguiu reduzir a densidade da sua sede, sem deixar de manter a proximidade dos membros da equipe. 

O resultado: As equipes de tecnologia e suporte da empresa agora contam com um espaço próprio com densidade reduzida na WeWork, além de acesso a todas as ótimas amenidades que os locais oferecem. A empresa está agora considerando estender o prazo da locação para manter seu nível atual de flexibilidade para os funcionários por toda a duração da pandemia — e talvez até mesmo depois dela. 

As diversas opções da WeWork de localização, espaço e vigência de contrato facilitaram a descentralização da sede da empresa financeira de uma forma rápida e fácil, sem precisar assinar um contrato de locação de longo prazo ou investir em infraestrutura.

Um banco de investimentos adota um hub de colaboração

O desafio: Um banco de investimentos global queria complementar sua estratégia de trabalho em casa para a COVID-19 com um escritório com design intencional, onde seus funcionários pudessem se sentir seguros trabalhando com colegas. Em muitas empresas, a colaboração presencial é a base para a inovação, criatividade e saúde da organização. Havia, portanto, a necessidade de encontrar um espaço onde a colaboração pudesse ocorrer com segurança, apesar da pandemia.

A solução: A WeWork criou um hub de colaboração para a empresa, um conjunto de escritórios totalmente personalizados com design intencional. No conjunto, há uma ampla área de colaboração, uma espaçosa área social comum, vários espaços de reuniões e lugares menores e mais silenciosos para trabalho individual e focado. Todos os espaços de trabalho no hub de colaboração cumprem o distanciamento profissional, mas foram projetados de tal forma que o distanciamento ocorra naturalmente.

WeWork 10 York Rd em Londres.

O resultado: O hub de colaboração flexível da empresa permite que os funcionários se encontrem e façam sessões de brainstorm, mantenham relações sociais com colegas e desfrutem de encontros não planejados, que muitas vezes levam a novas ideias. Ele melhora o envolvimento e a motivação dos funcionários, ajudando a organização a manter seu senso de cultura e comunidade. Embora este tipo de ambiente de trabalho flexível represente o local de trabalho do futuro, esta empresa financeira poderia eventualmente voltar ao modo como as coisas eram, se quisesse, graças aos termos flexíveis da WeWork e à capacidade de escala sem grandes investimentos.

Uma empresa de pagamento móvel reduz a densidade e dobra de tamanho físico 

O desafio: Uma empresa de pagamento móvel queria fornecer um espaço de trabalho seguro para seus funcionários voltarem para reuniões presenciais e trabalho em equipe produtivo, e queria fazer isso rapidamente.

A solução: Primeiro, o conjunto de escritórios original da empresa passou por uma redução de densidade profissional de 135 mesas para apenas 60, e a empresa criou uma estratégia de escalonamento de retorno para os funcionários. Em seguida, a empresa adicionou espaço adicional, permitindo que mais trabalhadores voltassem para o escritório pelo menos por alguns dias, para trabalhar colaborativamente em um ambiente mais profissional e focado do que a mesa da sala de jantar de casa.

O resultado: Em apenas uma semana, a WeWork quase dobrou o tamanho do escritório da empresa. As equipes agora têm uma variedade de espaços de trabalho para escolher, incluindo salas de reunião e espaços comuns amplos, com distanciamento social, projetados para promover uma interação social segura. Com um contrato com vencimento mês a mês, a empresa tem a liberdade de criar o ambiente necessário, mesmo quando as coisas mudam rapidamente. 

A WeWork tem escala e flexibilidade para se adaptar rapidamente às necessidades de espaço de uma empresa e a infraestrutura disponível para possibilitar mudanças rápidas. Qualquer tipo de empresa — como empresas financeiras globais ou startups de fintech — pode aproveitar a WeWork para criar seu espaço de escritório ideal.

Produtos como o WeWork On Demand, All Access e espaços de escritório exclusivos podem ser combinados de qualquer forma e usados em conjunto com várias estratégias que ajudam empresas em todo o mundo a fornecer ambientes de trabalho seguros e produtivos para seus funcionários.

Kristen Baileyé escritora e editora veterana e vive na bela Lincoln, no Nebraska. Ela tem um grande talento para ajudar marcas grandes e pequenas a criar histórias que contam o porquê.

Interessado em um espaço de trabalho? Entre em contato.
Este artigo foi útil?